A carta

Esta carta é sobre o toque manso antes da rápida despedida. Sobre uma pele tornar-se parte d’outra pela proximidade. Sobre o desejo da eternidade de cada bom instante. Sobre entornar sorrisos ao longo da cama. Sobre conjugar grãos de afeto para terra firme. Sobre estar ao lado sem que sequer haja exaustão. – Esta carta […]

Saudade

Até mesmo o casmurro frequente Ora o cansaço da vida sente Na morbidez de dias vagos Onde longamente faltam abraços. A musicalidade inconsciente, Sem ritmo como quisera, Ora sente a vontade de ser rima Em palavras de um romance-quimera. Enquanto o poeta exímio Gira em torno do gosto ruim, O ser que cria, destrói e […]

Sono dos justos

A Lua, cuja bruma superficial Encanta além do seu nevoado Rés-do-chão, pôs-me a sonhar, Inesperadamente, com Seu sugestivo pensamento Perfeitamente agradável à vista. Fui pega de sopetão, nem imaginei Sequer que cairia em seus braços Doces e perfumados de cafuné. Sensível, confortada e leve, Assim eu estava defronte a melhor Espressão de bondosa noite. Acabei […]