A carta

Esta carta é sobre o toque manso antes da rápida despedida. Sobre uma pele tornar-se parte d’outra pela proximidade. Sobre o desejo da eternidade de cada bom instante. Sobre entornar sorrisos ao longo da cama. Sobre conjugar grãos de afeto para terra firme. Sobre estar ao lado sem que sequer haja exaustão. – Esta carta […]

Fases de encanto

Eu há tempos andava só. Vagava por certos corações sem, sequer, poder parar por mais de três simplórios e contados meses em junto. Posterior e novamente só. Só só. Confesso que outrora senti fastio no peito quando tropecei em sílabas isoladas de palavras incompletas que meu destinatário fez cair em meio ao chão. Andei por […]

Complexidade intuitiva

Meu coração não chora. Aliás, sente-se feliz externamente já que compraram o choro de um pobre burguês falido e fajuto. Ele sente medo e demonstra. Vive em meio do antagonismo do sofrer e viver. Sinto pena desse coração. Coração medroso, falho e precipitado. Não sabe guardar segredos e esconde-se de verdades absolutas um tanto incontestáveis! […]