Dentro de nós

Apoiamos na bancada fria
Ardendo como fogo em comunhão.
Assim verticalizamos sensações comuns
Ao nós particular.

As mãos passam
E logo passam o vazio:
Preencha-me.

Minha mente cercada por tuas pernas
Viaja em desejos insanos.
Na variante de ritmos leves,
Vai longe,
Vai fundo.

Entrelaçadas por lençóis,
Devolva-me aos poucos,
Para mim,
Meu bem.

(Ouvindo “Bon Iver – Blood Bank”)

Anúncios

2 comentários sobre “Dentro de nós

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s