No silêncio dos teus olhos

-O que me dizes do tempo?
-Que tempo?

———————————————————————————————————–

-Parece-me estranho.

———————————————————————————————————–

-Hoje, chove.
-Talvez.
-É.

———————————————————————————————————–

-Acabou?

———————————————————————————————————–

-É só silêncio?
-Sim.
-Por quê?

———————————————————————————————————–

-O silêncio já é o bastante, mas nada esclarece. Faça-me compreender.
-É.
-Eu sinto falta.
-Até logo.
-Conversamos depois.

(Ouvindo “Chet Baker – How deep is the ocean”)

Anúncios

Um comentário sobre “No silêncio dos teus olhos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s